• cuidados com o seu cão na hora do passeio

    A importância de passear

    0

    O passeio diário é uma atividade fundamental para a manutenção do equilíbrio psicológico dos cachorros. São através desses passeios que o animal pode gastar sua energia, se exercitar com a caminhada e ainda evitar algumas doenças cada vez mais comuns entre os cães como a obesidade e a depressão. Todas as raças de cachorro precisam do passeio para liberar o acúmulo de energia e desestressar o animal, porém, algumas raças em especial, como o Labrador e o Cocker Spaniel necessitam ainda mais desses passeios do que os outros animais, pois são raças hiperativas e muito agitadas, que quando mantidos dentro de ambientes pequenos, tendem a liberar sua energia de forma errada, roendo móveis e quebrando objetos da casa. A duração dos passeios dependem da idade do cão e do tempo disponível de seus donos. O ideal é que os cachorros em idade adulta sejam levados para passear de 3 à 4 vezes por dia, cada passeio levando em média de 20 a 40 minutos. Já os cães idosos ou filhotes devem ser levados para passear com mais frequência pois não conseguem controlar suas bexigas e precisam fazer suas necessidades mais vezes por dia do que os cachorros em idade adulta....

  • Foto Sunny brinquedos/Divulgação-Carnaval bom pra cachorro!

    Carnaval bom pra cachorro!

    0

      Vai pular carnaval com o seu cão? Fique de olho nas dicas e aproveite! • Tome cuidado com os detalhes da fantasia que irá colocar no seu cão, fique de olho para ele não engolir nada. Cães adoram engolir botões, brilhos, tiaras, tome cuidado! • Se estiver um dia quente não coloque fantasia no seu cão. Os cães são sensíveis ao calor e podem passar mal. • Não vá para lugares com muita gente e com muito barulho, os cães têm uma audição sensível. • Preste atenção a cacos de garrafas quebradas podem cortar as patinhas do seu cão. • Jamais pinte os pelos do seu cão. A tinta é tóxica e faz muito mal para os cães, podem dar reações alérgicas e complicações sérias. Fonte: R7 

  • procedimentos e documentações

    Viajar com seu cão – procedimentos e documentações

    0

     Quando se quer fazer uma viagem e deve-se levar seu cachorro, algumas documentações são necessárias para a legalidade do transporte. Faça a escolha do meio de transporte adequado baseado na distância que se deseja viajar. Viajar várias horas dentro do carro é mais estressante para o animal do que de avião. Para viagens de carro, não há necessidade de se emitir a Guia de Trânsito Animal (GTA), bastando apenas o atestado de sanidade do cachorro, de saúde e principalmente o de vacinação antirrábica. Não esqueça que o transporte deve ser sempre no banco traseiro, com a cabeça dentro do veículo e preso ao cinto de segurança. Para o caso de viagens de avião, deve-se observar se a viagem é nacional ou internacional. Para ambas, precisa apresentar o atestado de saúde fornecido por um veterinário com, no máximo, 3 dias de antecedência da viagem e o certificado de vacina antirrábica. Quando a viagem for internacional, deve-se também procurar o Ministério da Agricultura para que lhe forneça o Certificado Zoo Sanitário Internacional. Procure-se planejar e  informe-se no Consulado do país de destino acerca das exigências para a entrada do cão com pelo menos 3 meses de antecedência para que não haja surpresas...

  • Vai viajar?

    20 hotéis para cães no Brasil

    0

        Está projetando uma viagem e não pode levar o seu cão? Hotéis para cães serão a sua salvação, e existem muitos com ótima infraestrutura para cuidar bem do seu animal de estimação. Algumas das opções de hotéis serão listadas abaixo: 1 – Cão de Ouro – em São Paulo, na avenida Raposo Tavares – Estrada de Caucaia do Alto, km 39. Telefone: (11) 97388-8740/ 95556-0855. Site: caodeouro.menudagranja.com.br. 2 – Vira a Lata – em São Paulo, na Rua Clélia,334 – Perdizes. Telefone: (11) 4949-6338/ (11) 4949-5916. Site: http://viraalata-px.rtrk.com.br/index.php 3 – Espaço Pra Cachorro – em São Paulo, na Rua GasparinoLunardi, 158 – Osasco. Telefone: (11) 3685-2924/ (11) 3685-2952/ (11) 8172-5882. Site: ttp://www.espacopracachorro.com.br/ 4 – Clube de Cãompo – Em São Paulo, na Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, km 95 – ITU. Telefones: (11) 4024-6968 /(11) 4024-6914. Site: http://www.clubedecaompo.com.br/ 5 – Pet Hotel Dog Life – Em São Paulo, na Avenida Amador Bueno , 4.800 – Penha. Telefones: (11) 2041-3915 / 2362-8941. Site: http://pethoteldoglife.com.br/ 6 – Pet Hotel Curitiba – No Paraná, na Travessa João Ruzenente, 47 – Campina Grande do Sul. Telefones: (41) 024-6489 / 3011-6489. Site: http://www.pethotelcuritiba.com.br/ 7 – CãoForto – Em Brasília, SMPW Quadra 5...

  • Sobre cachorros e meias

    Sobre cachorros e meias

    0

    Bichos de pelúcia, brinquedos, bolinhas, osso. Nada disso é mais interessante para o cachorro quanto o seu guarda-roupa. Especialmente suas meias (preferencialmente as que estavam no cesto de roupas sujas). Falo por experiência própria e acredito que todos os cachorros tem essa preferência. Não importa o que compramos para eles, nada será melhor do que alguma coisa que “não pode pegar”. Outro dia comprei um osso gigante na Cobasi perto de casa para a Hanna. Ela pulou e brincou com o novo presente por 10 minutos, depois apareceu no meu quarto com uma meia na boca. Todos os dias ela aparece com alguma coisa que não era para ela pegar, como roupas, sapato, chinelo, caixa de papelão, madeira da lareira. E sempre tem alguém que sai correndo atrás dela um tempão para pegar de volta. Hoje eu pensei bem e descobri, que o motivo dela (e os outros cachorros) pegarem essas coisas que “não são pra cachorro” é exclusivamente para que alguém corra atrás deles, ou dar alguma atenção. Por isso ensine desde cedo o seu cãozinho o que pode e o que não pode. Quando der algum brinquedo novo á ele, tente pegar de volta, corra atrás. Quando ele...

  • A importância do passeador de cães

    A importância do passeador de cães

    0

    Você já conhece o passeador de cães? Mesmo para aqueles que possuem uma casa grande onde o animal pode locomover-se e desfrutar de uma maior liberdade de ir e vir, o passeador de cães tem um papel essencial no desenvolvimento corpóreo e mental do seu animalzinho. A frequência dos passeios irá, além de ajudar seu cão a socializar-se com outros cães mais facilmente, torna-lo mais sociável com outras situações e lugares desconhecidos fora de casa, sendo fundamental para deixá-lo mais tranquilo ao chegar em casa, além do animal poder botar os músculos para trabalhar e manter um melhor condicionamento físico e psicológico. O reflexo de passeios frequentes em ambientes novos vão auxilia-lo até mesmo na mudança do seu comportamento em casa, pois ele estará mais familiarizado com ambientes e situações novas e não vai estranhar e começar a latir, ou tornar-se agressivo, quando sua família receber visitas inesperadas, por exemplo. Ou seja, não é só o cãozinho que sai lucrando com o passeador de cães. Aliás, o cãozinho também sofre quando fica em casa o dia todo, enclausurado e sem entretenimento. O emocional do seu cão também precisa de atenção, e depois daquele dia cansativo do trabalho e dos afazeres...

  • Esse brinquedo é o frisbee

    Frisbee e seus benefícios para o cão

    0

    Se há um fato que ninguém discorda é que os cães adoram perseguir objetos. Então imagine só um objeto que passe rapidamente e voando por eles? Esse brinquedo é o frisbee, uma espécie de “disco voador” feito em borracha que pode alcançar grandes distâncias de acordo com a força utilizada na hora do arremesso. É um esporte que gasta muita energia do cão, sendo indicada para raças ativas como Collies, Retrievers, Whippets e até mesmo os Vira-latas (SRDs), mas sempre respeitando os limites de cada animal. Benefícios do frisbee para o cão São vários os benefícios dessa brincadeira para a vida de seu animal de estimação! Além de fazer com que ele gaste suas energias, o frisbee pode ser usado como um treinamento, principalmente para cães esportistas e que participam de provas de agility, desenvolvendo sua velocidade e reflexo. Além disso, cães que brincam com mais frequência são mais alegres e se relacionam melhor com seus donos e com outros animais de estimação. As brincadeiras também ajudam a reduzir as chances de problemas de saúde e aumentam a expectativa de vida dos cães. Como brincar com o frisbee Assim como em qualquer outra brincadeira, o dono deve começar desenvolvendo a...

  • brincando com seu cachorro

    Áreas públicas de lazer para cães

    0

    Diversão para você e seu melhor “Aumigo” É de conhecimento de todos, a importância de passear com os bichinhos de estimação. Afinal, o passeio é um lazer e contribui para socialização do animal, previne doenças, evita o estresse e o sedentarismo. Além de deixar seu amiguinho muito feliz. Certamente os donos querem o melhor para seu animal de estimação. Mas onde levar o animal? Como transportá-lo até o local de recreação? É possível viajar de ônibus, na companhia do animalzinho? São questões importantes que, devem ser analisadas antes de sair com o bichinho, afinal diversão e segurança são fundamentais para toda a família. Existem inúmeros parques espalhados em todos os estados do país, na cidade de São Paulo, por exemplo, existem pelo menos 60 parques, catalogados. Entretanto, poucos aceitam a entrada de animais. Ainda assim, por medida de segurança, é necessário usar coleira ou peitoral com guia e focinheira. Alguns parques, dispõem de bebedouro para os cães. Entre os endereços de parques que permitem a entrada de animais, estão: Parque da Luz, Parque Alfredo Volpi, Parque da Aclimação, Parque da Independência, Parque do Ibirapuera, Parque do Povo, Parque da Juventude, Praça Lions Clube, Parque Anhanguera, Parque Buenos Aires, Parque Tenente...

  • competição agility

    Entenda o esporte agility

    0

    Nos primórdios das exposições de cães, os organizadores arrumaram uma maneira divertida de entreter a plateia nos intervalos das competições de raças. Nascia então o que viria a ser o esporte Agility de cães e que hoje em dia se estabelece com o esporte canino mais popular. Basicamente é uma prova de superação de obstáculos, como acontece no hipismo, a concentração do animal, a habilidade e a velocidade ao transpor obstáculos é o que define o vencedor. O cachorro que “zera” o percurso mais rápido e com menos erros, é o vencedor. Como é a competição A habilidade e a agilidade do cão são observadas pelos juízes que avaliam o cão ao transcorrer o percurso de maneira correta, na ordem estabelecida. Derrubar obstáculos, analogamente ao hipismo, também é passível de penalização. O dono pode orientar o cão durante o percurso, mas não pode tocá-los Se diversos cães encerram o percurso sem cometer faltas, o desempate é feito pela velocidade: o mais rápido é o vencedor. Quem pode participar Cães de qualquer raça, ou sem raça definida podem participar e as provas são dividas em 3 categorias de acordo com o porte do animal. Os obstáculos Rampas, passarelas, escadinhas, mesas, túneis,...

Scroll To Top

Options

Layout type:

liquidfixed

Layout color: