• Sobre cachorros e meias

    Sobre cachorros e meias

    0

    Bichos de pelúcia, brinquedos, bolinhas, osso. Nada disso é mais interessante para o cachorro quanto o seu guarda-roupa. Especialmente suas meias (preferencialmente as que estavam no cesto de roupas sujas). Falo por experiência própria e acredito que todos os cachorros tem essa preferência. Não importa o que compramos para eles, nada será melhor do que alguma coisa que “não pode pegar”. Outro dia comprei um osso gigante na Cobasi perto de casa para a Hanna. Ela pulou e brincou com o novo presente por 10 minutos, depois apareceu no meu quarto com uma meia na boca. Todos os dias ela aparece com alguma coisa que não era para ela pegar, como roupas, sapato, chinelo, caixa de papelão, madeira da lareira. E sempre tem alguém que sai correndo atrás dela um tempão para pegar de volta. Hoje eu pensei bem e descobri, que o motivo dela (e os outros cachorros) pegarem essas coisas que “não são pra cachorro” é exclusivamente para que alguém corra atrás deles, ou dar alguma atenção. Por isso ensine desde cedo o seu cãozinho o que pode e o que não pode. Quando der algum brinquedo novo á ele, tente pegar de volta, corra atrás. Quando ele...

  • natação canina

    Natação canina

    0

    A natação canina é utilizada em terapias e tratamentos pós-cirúrgicos, mas também funciona como lazer para os animais, e é uma ótima alternativa para enfrentar o calor. Apesar de parecer um instinto natural, nem todos os cães conseguem nadar. As raças que nadam bem possuem características de cães de resgate ou de caça, com membros fortes, como Labrador, Golden Retriever e Pastor Alemão, por exemplo. Raças com cabeça “amassada” (braquicefálicas), como Boxer e Buldogue, ou desproporcional, massa muscular densa, patas pequenas e desproporcionais ou pelagem densa apresentam dificuldades para nadar. Cães com deficiências físicas também podem nadar dentro de seus limites. Por se tratar de uma situação incomum, a escolha de colocar o cão na natação deve ser feita com acompanhamento veterinário. Dois modelos comuns de piscina para cães são as redondas e as em forma de haltere. Ambas proporcionam natação contínua. As medidas ideais são 1,2 metros de profundidade e pelo menos 3 metros de diâmetros, além do corredor de água de cerca de 10 metros de comprimento nas piscinas de haltere. Deve haver uma escada para que o cão possa sair da água quando quiser. Para manter seu cão seguro, nunca o deixe na água sem supervisão e...

  • Freestyle, estilo livre

    O que é freestyle, em que ele ajuda seu cão?

    0

    O Freestyle (estilo livre) é um esporte onde o dono e cão parecem “dançar”, mas nada mais é do que uma sincronia de movimentos como sentar, saltar, girar, etc, feitos pelo dono e seu cão ao som de uma música. Parece um esporte simples, e é, mas não deixa de ser muito divertido para ambos, além disso, o esporte ajuda no desenvolvimento mental e físico de cão e dono e faz com que entre eles haja uma interação que nenhum outro esporte poderá proporcionar. Nesse esporte não ha restrições, qualquer cão pode praticá-lo, sem importar tamanho, idade ou raça. O ideal é que esse esporte seja praticado em um local agradável e que não haja distrações para o cão, um local gramado, desde que não tenha outros cães por perto e nem outra pessoas, seria uma boa ideia. Um treino deve durar em média 20 minutos para que o animal não se canse, caso o animal já saiba alguns truques isso poderá ajudar. Esse esporte requer que o cão e o dono trabalhem juntos, isso criará uma harmonia entre os dois e o cão se tornará mais obediente, toda essa relação irá propiciar uma relação maior de confiança e segurança.

Scroll To Top

Options

Layout type:

liquidfixed

Layout color: