Saiba como evitar a torção do estômago em cães

Publicado por Redação0

Um problema que vem se tornando comum aos cães de grande porte é a torção de estômago, que também é conhecida como torção gástrica. E ela acontece pela dilatação do estômago, seguido da torção do órgão sobre si mesmo, aprisionando alimentos e causando fermentação.

A causa comum é pela a grande ingestão de alimentos ou água. Animais que são mais agitados após as refeições tendem a sofrer com esse mal. E este é um problema grave, caso o animal não seja tratado rapidamente pode morrer em poucas horas, de seis a doze.

Os diagnósticos que podem levar o dono a reconhecer essa doença é angústia respiratória, ânsia de vômito não produtiva, inquietação, sensibilidade extrema a região abdominal, palidez da mucosa gengival e aumento excessivo e crescente do abdômen do cão.

Para evitar que esse problema acontece com o seu cão, evite:

1- Dar alimentos em grande quantidade e, sim, aos poucos durante todo o dia;

2- Alimente seu cachorro com ração rica em fibras;

3- Evite que ele consuma muita água de uma vez só;

4- Evite esforços do animal após as refeições, como pular e correr;

5- Evite rações com taxa de fermentação elevada. Essas são algumas táticas que podem deixar o seu cão longe deste problema.

As raças que costumam sofrer com esse tipo de doença, são: Serra da Estrela, o IrishWofhound, o Dogue Alemão e o Rafeiro Alentejano, e o Pastor Alemão, nela a incidência de casos é grande.

Junte-se a nós! Deixe seu email e receba novidades animais!
Placeholder Placeholder

Tags , , , ,

Comente |

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

(required)
(required)

A- A A+

Options

Layout type:

liquidfixed

Layout color: