Cães com ansiedade de separação

Publicado por Redação0

Ao escolher um animal de estimação é preciso entender que você está levando alguém que precisará de parte do seu tempo dedicado a ele. Os cães geralmente são mais apegados aos donos e por isso viverão parte de seu tempo pensando em alegrá-los e nada mais justo do que uma retribuição de carinho.

Com o passar do tempo, a relação entre o cão e seu dono, assim como nas relações humanas, tende a se fortalecer, criando um vínculo emocional muito forte, principalmente por parte do animal. Um dia o dono ou a dona precisará fazer uma viagem, longa ou talvez não, e não será possível levá-lo, o que requer uma preparação porque de certa forma acaba surgindo uma ansiedade devido a essa separação.

Se for viajar sozinha ou sozinho, é bom saber que seu cachorro tem sentimentos e um deles é o medo de perder o amigo ou a amiga que o acolheu. A ansiedade da separação é diferente de uma depressão, pois surge da dificuldade que o cão tem em se separar do dono.

Cães com ansiedade de separaçãoPreparando seu cão antes de se ausentar

É interessante que alguns dias antes do dono se ausentar, comece a preparar o cachorro para a separação. Se estiver acostumado a sair de manhã, mas retorna no horário de almoço, procure ficar o dia inteiro sem contato com o animal e quando retornar para casa dê uma atenção especial para ele.
O próximo passo é ficar um dia inteiro e uma noite sem contato com o cachorro e no dia seguinte, antes mesmo de iniciar suas atividades, dar uma atenção especial e carinho a ele. Dessa forma, seu melhor amigo saberá que você sairá, mas voltará para casa, o que tornará o período de separação menos doloroso.

O ideal é prepará-lo para essas situações quando filhote. Deixar claro desde pequeno que em alguns momentos ele ficará só.

É importante lembrar que a ansiedade de separação atinge cães de qualquer raça, idade ou tamanho. É algo que incomoda os animais e a família, porque quando acometido desse transtorno, o cachorro começa a alterar o comportamento, o que gera estresse, e muitas vezes desinteresse pelo animal, que acaba sendo abandonado em muitas das vezes.

Em caso de dúvidas, ou dificuldades para entender e lidar com a situação, o melhor a fazer é procurar um veterinário para uma avaliação.

Dica

Em algumas cidades do Brasil existem hotéis ou SPA para animais, que cobram uma taxa diária para cuidar de seu cão enquanto você viaja. Geralmente lugares assim contam com profissionais treinados para cuidar dos animais como se fossem os próprios donos e, além disso, eles também estão preparados para dar carinho e atenção para o cachorro e não apenas guardá-lo e esquece-lo até você voltar. É uma forma de amenizar a tristeza do animal enquanto você está fora.

Junte-se a nós! Deixe seu email e receba novidades animais!
Placeholder Placeholder

Tags , , ,

Comente |

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

(required)
(required)

A- A A+

Options

Layout type:

liquidfixed

Layout color: